+55 (51) 99651-9109
+55 (51) 3084-5001

Bar projetado para desmistificar a degustação de vinho

Baseando-se no episódio conhecido como “Julgamento de Paris” – célebre degustação às cegas na qual renomados especialistas avaliaram melhor os vinhos norte-americanos do que os franceses –, a Vineria 1976, em Porto Alegre, tem a proposta de desmistificar a apreciação da bebida. Nesse espírito, a Projetebem Arquitetura, transformou a antiga casa no bairro Moinhos de Vento em um espaço acolhedor e sofisticado.

Os proprietários são produtores de vinho, e nos pediram para dar ao espaço um ar descontraído. A proposta é uma desconstrução da ideia de que se precisa de muita solenidade para se apreciar a bebida”, detalha Felin.

Confortável e casual, o espaço de 195 metros quadrados tem a atmosfera de uma taberna contemporânea, com tijolos à vista e teto exposto. Para valorizar o produto principal, em uma das paredes laterais foi criada uma moderna adega, toda em vidro e aço. Iluminadas por LED, as garrafas estão expostas de forma que todos os rótulos possam ser visualizados. O projeto luminotécnico é assinado pela FOS Lighting Studio. As luminárias sobre a bancada são sustentadas pelas vigas dos dutos de ar- condicionado, conferindo um clima industrial ao mesclarem-se com outros elementos como a bancada de madeira (com tampo em granito preto) e os azulejos de design contemporâneo.

Na área interna, que comporta 50 pessoas, predomina o piso de pinus escovado e polido. Em contraste com o estilo de cantina, uma imponente chester de 4 metros, revestida de veludo azul em capitonê, traz sofisticação e conforto aos clientes. No ambiente ao lado, repete-se o conceito do sofá, mas em versão menor e na cor cinza.

O mesmo assoalho de granito bege e vermelho que reveste parte do interior da Vineria 1976 espelha-se na área externa. Coberto por vidro transparente, o espaço para 45 clientes sentados permite a visão das árvores na rua em integração com a natureza.